Últimas Notícias

Fique a par de todas as novidades!

Como podemos ajudar?

Consulte as respostas às perguntas mais frequentes

Sim, a organização coordenadora será a organização que apresenta a candidatura e a mesma deve ser submetida no país onde a mesma está estabelecida.

O número mínimo de parceiros para se candidatar ao Programa Erasmus+ depende da Ação à qual irá se candidatar. Para mais informações consulte os critérios de elegibilidade que constam do Guia do Programa, para a ação a que pretende candidatar-se.

A título excecional, a Comissão permite o adiamento por até mais 12 meses. Para tal, o beneficiário tem de evocar a cláusula de força maior e fundamentar devidamente o pedido. Esta situação terá de ser analisada caso a caso, pela Agência Nacional, pelo que deverá contactar o técnico da Agência Nacional que está a acompanhar o seu projeto.

Sim, é possível substituir a organização de apoio após a aprovação do projeto pela Agência Nacional.

O requisito é que a organização de suporte para a qual você muda deve ter um Selo de Qualidade válido antes do início da atividade. A mudança da organização anfitriã em um projeto é avaliada caso a caso.

Sim. Os formulários de candidatura preenchidos no site dos formulários são gravados automaticamente a cada 2 segundos. Se sair da página dos formulários, para voltar à candidatura que iniciou, deve entrar novamente na página e na barra dos separadores selecionar “My applications”.

Eurodesk

Clica para saber mais desta associação

Saber mais
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização Está a usar um navegador desatualizado. Por favor, actualize o seu navegador para melhorar a sua experiência de navegação.