Últimas Notícias

Fique a par de todas as novidades!

Como podemos ajudar?

Consulte as respostas às perguntas mais frequentes

Qualquer tipo de atividades menos as não elegíveis identificadas no guia do programa.

Parcerias estratégicas no âmbito da Juventude:

1-Atividades de cooperação na animação de juventude para o desenvolvimento, teste, adaptação e/ou aplicação de práticas inovadoras de animação de juventude. Estas atividades podem abranger:

métodos, ferramentas e materiais destinados a fomentar as competências essenciais e aptidões básicas dos jovens, assim como as competências linguísticas e de TIC;
métodos, ferramentas e materiais para a profissionalização e o desenvolvimento profissional dos animadores de juventude (p. ex., programas curriculares, módulos de formação, recursos materiais, melhores práticas, instrumentos de validação, etc.);
novas formas de disponibilização de animação de juventude e de ministração de formação e apoio, designadamente o uso estratégico de aprendizagem aberta e flexível, mobilidade virtual, recursos educativos abertos e melhor aproveitamento do potencial das TIC;
programas e ferramentas de animação de juventude destinados a combater a exclusão social e o abandono escolar precoce;
cooperação e criação de redes estratégicas entre as organizações de jovens e/ou com organizações nos domínios da educação e da formação, assim como no mercado de trabalho;
cooperação estratégica com as autoridades públicas locais/regionais;

2-Reconhecimento e certificação de capacidades e competências a nível nacional por meio da respetiva referenciação para os quadros de qualificações europeus e nacionais de qualificações e da utilização de instrumentos de validação da UE.

3-Iniciativas transnacionais para a juventude: atividades de cooperação, que fomentem o compromisso social e o espírito de empreendedorismo, executadas conjuntamente por dois ou mais grupos de jovens de diferentes países.

No âmbito da preparação do novo Programa da Comissão Europeia para 2021-2027 na área da Educação, Formação, Juventude e Desporto, serão abertas candidaturas para Acreditação Erasmus na área da Juventude.

As acreditações Erasmus são uma ferramenta para organizações que desejam abrir as suas atividades ao intercâmbio e cooperação transfronteiriça e é concebida para organizações que pretendem implementar atividades de mobilidade de forma regular.

A concessão da acreditação Erasmus confirma que a organização candidata possui processos e medidas apropriadas e eficazes para implementar atividades de mobilidade de alta qualidade, conforme planeadas, e usa estas atividades para beneficiar o setor da juventude.

Mais informação aqui https://ec.europa.eu/programmes/erasmus-plus/calls/2020-erasmus-accreditation-youth .

Sim, é possível substituir a organização de apoio após a aprovação do projeto pela Agência Nacional.

O requisito é que a organização de suporte para a qual você muda deve ter um Selo de Qualidade válido antes do início da atividade. A mudança da organização anfitriã em um projeto é avaliada caso a caso.

Não. Basta que descrevam no Relatório Final o que foi efetuado, Artigo I.3.2 Convenção de Subvenção.

O número mínimo de parceiros para se candidatar ao Programa Erasmus+ depende da Ação à qual irá se candidatar. Para mais informações consulte os critérios de elegibilidade que constam do Guia do Programa, para a ação a que pretende candidatar-se.

Eurodesk

Clica para saber mais desta associação

Saber mais
Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização Está a usar um navegador desatualizado. Por favor, actualize o seu navegador para melhorar a sua experiência de navegação.